Geekerela - Ashley Poston | Resenha

17 setembro 2017

Um divertido romance que traz a clássica história de Cinderela para os dias de hoje.
Quando Elle Wittimer, nerd de carteirinha, descobre que sua série favorita vai ganhar uma refilmagem hollywoodiana, ela fica dividida. Antes de seu pai morrer, ele transmitiu à filha sua paixão pelo clássico de ficção científica, e agora ela não quer que suas lembranças sejam arruinadas por astros pop e fãs que nunca tinham ouvido falar da série. Mas a produção do filme anunciou um concurso de cosplay numa famosa convenção valendo um convite para um baile com o ator principal, e Elle não consegue resistir. Na Abóbora Mágica, o food truck vegano onde trabalha, ela encontra a ajuda de uma amiga cheia de talentos para moda que vai criar o traje perfeito para a ocasião. Afinal, o concurso é a chance de Elle se livrar das tarefas domésticas impostas pela terrível madrasta e das irmãs postiças malvadas.
Já Darien Freeman, o astro adolescente escalado para ser o protagonista do filme, não está nada ansioso para o evento, embora o papel seja seu grande sonho. Visto como só mais um rostinho bonito, o próprio Darien também está começando a achar que se tornou uma farsa. Até que, no baile, ele conhece uma menina que vai provar o contrário.
Esta releitura de Cinderela transporta para o universo nerd os principais elementos do clássico conto de fadas, fazendo uma verdadeira homenagem a todos aqueles que sabem o que é ser fã e se dedicar de coração àquilo que amam.
Ficção, romance, fantasia, jovem adulto | 384 páginas | Editora Intrínseca | Nota:

Danielle Wittimer sempre foi uma criança sonhadora, inspirada pela série Starfield, que mudou não somente sua vida, mas a de seus pais. E depois que seu pai morreu, deixando Elle na custódia de Catherine, sua madrasta até que complete 18 anos, é a série de ficção que sempre a mantém de pé. Ela trabalha na Abóbora Mágica, um food-truck vegano com Hera, uma garota lésbica de cabelos verdes e cheia de atitude, mas que até agora não estendeu uma bandeira de amizade para Elle.

Elle está animada porque depois de muito tempo Starfield vai ganhar um remake, e ela não vê a hora de comentar sobre o elenco principal no seu blog intitulado Artilharia Rebelde. Mas assim que ela descobre que o personagem principal Carmindor, será interpretado pelo galã-mirim Darien Freeman, ela já não está tão animada assim, pior, ela se sente ultrajada. Como podem colocar um garoto que mal deve ter assistido a série para interpretar alguém que salva a galáxia?
Foto por Leitora Encantada
É aí que ela resolve participar de um concurso de cosplay que acontecerá em um dos maiores eventos sobre Starfield, e assim poderá concorrer ao prêmio de $500 dólares, e quem sabe se ver livre de sua madrasta e as meias-irmãs.

Darien Freeman depois que conseguiu o papel em um seriado adolescente e tornou-se famoso, agora ele está entusiasmado para interpretar um dos personagens de sua série preferida, não que o público deva saber disso. Os contratos requerem que ele seja discreto, mas Mark, seu pai e seu empresário, faz de tudo para que ele apareça sobre os holofotes. Depois de ver uma crítica sobre ele em um blog chamado Artilharia Rebelde, ele já não se sente capaz de fazer o trabalho.

Mas inesperadamente ele acaba enviando uma mensagem para um número errado e uma pessoa responde. Alguém chamada Elle, uma pessoa que não sabe quem ele é e que não está conversando com ele por interesse. Ele sabe que é errado não falar seu nome verdadeiro para ela, mas somente esta pessoa o entende de verdade. Assim, ambos se veem conversando cada vez mais e um sentimento surge entre eles. Mas como Darien irá se revelar já que ficou esse tempo todo omitindo seu verdadeiro eu? E como Elle irá reagir ao descobrir que o Carmindor das suas conversas é o mesmo garoto que ela detesta?
Foto por Leitora Encantada

MINHA OPINIÃO

Infelizmente meu resumo da história do livro ficou muito grande, mas é que são tantos acontecimentos no livro que era importante que vocês ao menos entendessem que Geekerela não se resume somente as cenas de Elle indo para o concurso de cosplay. Como podem ver, a autora Ashley acertou no ponto ao trazer uma história geek muito fofa e cheia de romance adolescente. Você que já leu Cinder e Ella deve estar se perguntando se as histórias são parecidas, e são sim. Mas ao contrário da outra, Geekerela não tem a carga emocional que Cinder e Ella traz, ou seja, é um livro leve e muito divertido, capaz de fazer o leitor terminar a sua leitura em rápidas horas.

Eu gostei muito da Elle, ela apesar de ter perdido primeiro a mãe e depois o pai sempre tentou seguir sua vida com a cabeça erguida, mesmo que Catherine e as gêmeas, Chloe e Calliope façam a comer o pão que o diabo amassou. Como toda boa fã, Elle é apaixonada pela série intergalática Starfield. Imagina só se o remake que você tanto espera da série que você mais ama será estreado por um ator que você simplesmente não gosta? Deve ser difícil e foi assim que Elle resolveu participar do concurso de cosplay, mas é claro que nada seria fácil. Ela teria que comprar passagens para o tal evento, além de comprar os ingressos e fazer uma fantasia, isso e ainda conseguir sair sem Catherine perceber.
Foto por Leitora Encantada
E foi aí que entra Hera, a garota estranha que acabou se tornando amiga de Elle em prol de um bem maior. Hera tem uma mão boa para costura e resolve ajudá-la na roupa e ir com ela ao concurso. Eu adorei essa personagem. Ela pode até ser estranha, mas é bem-humorada, muito divertida e engraçada, não leva desaforo pra casa, além de ser sarcástica. Diferente de Elle, que é muito tímida e como não herdou muitas habilidades sociais, não tem amigo nenhum.

E claro, temos o Darien. Primeiro devemos comentar que ele é negro, o que eu gostei bastante já que quase nunca vemos "o príncipe encantado" não ser branco. Segundo que ele é um fofo. Ele percebeu desde cedo que a fama traz muitas coisas boas mas também ruins, e com isso ele acabou perdendo seu melhor amigo, por isso ele não quer de jeito nenhum ter que ir ao tal concurso, já que ele sempre ia com esse amigo antes de se tornar famoso.

O que eu gostei no Darien é que ele mostra na narrativa o quanto ele odeia não controlar sua própria vida. As decisões nunca são ele que toma, e ele sempre tem que fazer coisas que detesta, mas dessa vez parece que a sorte lhe sorriu um pouco pois ele vai ser Carmindor, o personagem principal da série que ele sempre foi fã. Porém, agradar os produtores de hollywood é fácil, difícil será agradar os fãs que assim como ele merecem e querem algo que retrate da melhor forma a obra, e claro, ninguém acredita que ele seja capaz de fazer isso.
Assim como em Cinder e Ella, aqui os dois personagens irão se conhecer através de mensagens, mas diferente desta história, há várias referências da Cinderela original, vai até ter sapatinho de cristal minha gente. Então é fácil gostar do enredo e do que os personagens lhe apresentam.

Porém, muitas vezes a Elle me irritou pela falta de atitudes em algumas situações. Queria que ela reagisse ao bullying e as implicâncias das três de cabeça erguida, mas tudo que vi foi uma garota com medo de enfrentá-las. E se você acha que isso mudou ao longo da história, infelizmente não. Elle continua sendo feita por capacho pelas meninas e não faz muita coisa para mudar a situação. Mas só foi aí que a personagem pecou, porque na maioria das vezes eu adorei a personalidade dela. Além disso, só o fato de ser Darien que vai fazer Carmindor já faz a garota odiá-lo, porque ela acredita que ele é só mais um garoto metido a besta, o negócio é que Elle nem conhece o garoto, como que ela pode julgar uma pessoa assim?! Esse negócio dela meter o pau nele no blog falando das habilidades dele no cinema realmente me chatearam, foram atitudes equivocadas e bem idiotas pra protagonista fazer.
Foto por Leitora Encantada
Enfim! Fora isso, a narrativa da autora é bem leve e muito simples. Eu terminei o livro em um dia e com um sentimento gostoso no coração. Adorei ver essa adaptação de Cinderela, ficou perfeito e muito geek, geek mesmo! Além disso, Starfield é uma obra de arte a parte. A autora cria um universo totalmente novo dentro da história, e quem é fã de Star Trek e Star Wars, com certeza irá adorar conhecer essa série fictícia. Eu amei, e super indico a leitura.
"Apontar para as estrelas. Mirar. Disparar".
Comentários
14 Comentários

14 comentários :

  1. AAAA que amorzinho de livro! Ainda não conhecia, mas a tua resenha tá maravilhosa, como sempre, e já me deixou louca pra realizar a leitura. Cinderela é o meu conto favorito desde que me conheço por gente e adoro ver todas essas diferentes histórias que criam em cima do conto. AMEI o fato do Darien ser negro, acho que nunca li/vi uma história em que o príncipe é negro e isso já me deixou mega empolgada. Sem contar que já gostei da protagonista e da Hera. Já vai pra minha wishlist!
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabs. Esse é aquele livro que dificilmente você não vai gostar porque contém uma história fofa e personagens super carismáticos, e tem o fato de ser um romance adolescente, aí qualquer um gosta.

      Excluir
  2. Oie
    Aiii, eu quero muito ler este livro, parece ser muito gostosinho de ler e eu adoro releituras. Adorei saber sua opinião e eu amo star wars, acho que vou curtir muito este livro. Ficaram lindas suas fotos.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nessa. Starfield é tipo uma guerra intergalática, like Star Wars, você com certeza irá adorar as referências e a história.

      Excluir
  3. Achei a história um amorzinho, visto que gosto muito conto da Cinderela, kkk. Acho que a história tem muitos elementos atuais com base numa história super antiga como é a da Cinderela. Por exemplo, a ideia de colocar um ator que Elle não gosta no remake da sua série favorita. Quer dizer... todo mundo já passou por uma situação parecida por não concordar com algum ator ou atriz que entra pra uma série que a gente ama acompanhar.
    Triste que Elle não se mantenha firme contra os maus tratos que sofre, mas acho que a autora pode ter tido em mente manter os sentimentos da Cinderela original, já que ela tbm nunca foi contra sua madrasta e meias irmãs.
    Enfim, amei a resenha e vou colocar esse livro na minha lista de futuras leituras.
    Beijo, www.apenasleiteepimenta.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Leslie. A autora conseguiu trazer muitos elementos da Cinderela original nesta história, eu amei. Eu tenho certeza que foi proposital da autora deixar com que ela não combatesse as meninas mas a nossa mente sempre quer que a protagonista reaja. Eu amei essa história, ela é linda!

      Excluir
  4. Oi, Mi!
    Essa personalidade um tanto submissa da Elle não reagir é bem típico de Cinderella mesmo...
    Achei a capa super fofa e a história também. Estou de olho desde que saiu lá fora, mas ainda não pude ler.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio de aniversário do Balaio de Babados e O que tem na nossa estante
    Participe do sorteio de aniversário do Pausa Para Pitacos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu. Eu vi o lançamento e ia até esperar mais pra comprar mas vi uma resenha maravilhosa, aí saí correndo para poder ler.

      Excluir
  5. Acho que nunca li algo com essa temática e fiquei bastante curiosa quando conheci a obra uns meses atrás. Quero ler já e adorei sua resenha! E ahh, acho essa capa fofíssima <3

    Beijoss
    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Clarissa. A editora arrasou na capa, eu amei! E a história que vem com ela é maravilhosa.

      Excluir
  6. Eu queria muito começar a ler mais releituras de contos de fadas. Eu já tinha escutado falar desse livro mas nunca tinha me interessado até ler esta resenha com certeza ele já está na minha lista de livros que devem ser lidos o mais rápido possível. Beijos, amei a resenha!
    escrevendoerabiscando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rebeca. Esse livro é maravilhoso, você rapidamente termina a leitura com vontade de ler mais.

      Excluir
  7. Oi Mika! Tudo bem?

    Estou encantado pelo seu site, eu amei a resenha e sempre que possível passarei por aqui!

    Vem conhecer o meu se possível: www.cafeidilico.com

    Grande abraço!
    www.cafeidilico.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Victor. Seja bem vindo! Obrigada pelo carinho.

      Excluir

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤

Sim, eu não sou a louca dos signos mas sou a louca dos templates. Talvez você entre aqui e veja o blog todo mudado, mas o Leitora Encantada é apenas uma extensão dos meus pensamentos, que realmente mudam com o piscar dos olhos. Espero que gostem!

Facebook

Instagram

Lendo no momento

Lendo no momento

Autores parceiros

                                            

Participe

Blogroll

  • Arquivos

    Link-me


    Tecnologia do Blogger.
     
    Todos os direitos reservados 2016 - 2017 | Logo por: MIKA CAETANO - Design E Programação: Espalhando Bonitezas