Solteira até sábado - Catherine Bybee | Resenha

08 novembro 2017

Karen Jones: a loira estonteante se casou com um astro de Hollywood, porém é ela quem desempenha diariamente um papel — o de esposa feliz. Um ano atrás, ela concordou em se casar com um ator famoso para dissipar rumores sobre a vida pessoal dele. Agora seu divórcio se aproxima, assim como um pagamento de cinco milhões de dólares. No entanto, conforme Karen se prepara para abandonar com elegância seu casamento arranjado, ela conhece o cunhado, um homem lindo de morrer. Zach Gardner: o pedaço de mau caminho de cabelos escuros e olhos azuis aparece sem ser convidado na festa de um ano de casamento de Michael e Karen, determinado a conhecer a esposa que seu irmão escondeu da família inteira. Mas faíscas voam no instante em que ele e Karen se encontram. Quando o casal famoso decide visitar a família Gardner, Karen precisa esconder o segredo do marido e de seus parentes bisbilhoteiros... incluindo Zach, o homem que talvez seja o verdadeiro amor da vida dela.
Romance | 266 páginas | Editora Verus | Nota: 
A escrita da Catherine Bybee tem feito muitos fãs nos últimos meses, e eu não poderia esperar mais para ler o quarto livro da série Noivas da Semana. Quem conhece e já leu o terceiro livro, sabe que Karen Jones acabou aceitando se casar com a estrela de Hollywood, Michael Worthe, isso para evitar que sua sexualidade fosse descoberta, já que poderia trazer vários problemas em sua carreira. Em Solteira até Sábado um ano se passou e agora eles já estão se programando para a grande festa de divórcio daqui há seis meses, mas nenhum dos dois esperava que o irmão mais velho de Michael, Zach Gardner, iria aparecer de repente em sua casa.

Por terem um acordo de casamento, Michael nunca se preocupou em apresentar Karen a sua família já que depois de algum tempo, ambos estariam separados. Mas sua família se ressentiu dele já que o casamento dele foi uma grande surpresa, e Zach chega com um ultimato: ou ele volta para a pequena cidade de Utah visitar a família, ou a família irá até ele. E mesmo amando muito seus pais e seus irmãos, Michael sente que uma grande confusão aconteceria se seu pai resolvesse aparecer em Los Angeles, por isso ele resolve ir.
Foto por Leitora Encantada
O problema para Karen é que agora ela precisa ficar perto de Zach, que é incrivelmente lindo, assim como seu irmão, porém totalmente másculo. A atração entre eles é palpável, mas seria uma traição ficar com o seu cunhado, ao mesmo tempo que pegar a mulher do seu irmão não seria a melhor solução.

Em Utah os dois vão se conhecendo melhor e Zach percebe que Karen é muito mais real do que as fofocas e as fotos a fazem parecer. Ela é simpática, engraçada e completamente linda, mas ele percebe que há algo estranho no casamento de seu irmão, e ele fará de tudo para descobrir o que é.
Eu nem preciso comentar o quanto estava curiosa sobre esse livro, principalmente porque a história de Karen e Michael já começa no terceiro. Aqui a sexualidade e o medo de assumir ela é muito bem retratado, visto que Michael é gay e nunca confessou isso a ninguém, exceto Karen e seus amigos dos outros livros que sabem do arranjo de casamento. A relação com o pai dele não é a melhor, já que ao invés de Michael seguir os planos de seu pai e trabalhar na loja de ferragens da família, ele decidiu ir embora e virou um grande ator. Ou seja, confessar para sua família que ele é gay e que seu casamento é uma fachada está totalmente fora de cogitação.
Foto por Leitora Encantada
Foto por Leitora Encantada
Karen também tem um segredo sobre seu passado, algo que envolve sua família e é por isso que ela se dedica totalmente ao Boys and Girl Club, uma casa que acolhe jovens e crianças que não tem onde morar. Eu já gostava dela antes, mas nesse livro eu a amei. Isso porque o que ela faz ao final do livro me tocou profundamente, então pontinhos para Karen.

E temos também Zach. Zach é aquele personagem que aparece para abalar convicções e ele faz isso no coração da Karen. Mesmo sabendo que ela é casada com seu irmão, é impossível negar que há algo que os dois compartilham, além da forte atração. Amei ele e achei ele um fofo na maioria das vezes. Quero um Zach para mim!
Foto por Leitora Encantada
Acho que o que eu não gostei foi porque quando a narrativa começou a se passar em Utah, eu comecei a associar as características da pequena cidade com a dos livros da Rachel Gibson, que geralmente se passam no Texas. Eu amo a Rachel, mas ela deixa seus livros em uma mesmice muito grande e o fato deu ter associado Solteira até sábado a isso, fez com que muitas cenas me soassem repetitivas. Isso é um problema meu, tenho certeza que nenhum leitor irá sentir a mesma coisa, mas foi por isso que não dei cinco estrelas à obra.

O resto vocês já sabem: amei tudo. A gente tem até umas cenas de ação no final, pra dar aquela balançada no leitor, mas tudo termina de uma maneira perfeitamente bem. Eu adorei e já estou ansiosa para o quinto livro, que conta a história de Rick, amigo de Neil, e Judy, irmã de Zach. Já estou até imaginando...
Foto por Leitora Encantada
Comentários
8 Comentários

8 comentários :

  1. Oi Mi!
    A cada resenha que eu leio sobre essa série, mais curiosa ainda fico. Não sabia desse casamento, por conveniência pelo cara ser gay, achei bem legal (me lembrou a garota do calendário março, acho rs). Estou bem curiosa! Não vejo a hora de ler (ter verba primeiro haha).
    Beijos

    www.lendoeapreciando.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Kamilla. Acho que você irá gostar mais do que A garota do Calendário, visto que esse livro é bem mais romântico. Estou apaixonada pela série.

      Excluir
  2. Tenho muita curiosidade para ler esta série, parece ser muito bonita e leve de se ler, está na minha wishlist =)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Thiago. Essa série é maravilhosa, porque encanta o leitor com seus casais e as situações inusitadas que eles entram.

      Excluir
  3. Oi Mi! Essa série é bem amorzinho neh? Acho as capas lindas d+++++! Lerei em breve.

    Beijos

    Saleta de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vivian. É sim, e eu estou amando o trabalho da editora Verus, está lindo!

      Excluir
  4. Oi Miriã, tudo bom?
    Eu ainda não sei se tenho curiosidade pra ler essa série ou se vou deixar pra algum dia esperar uma vontade maior despertar UHASUHASUHASUHASUHASUH já vi opiniões muito boas e outras muito decepcionadas com os livros, aí rola um embate :P
    Que legal a leitura ter sido tão boa pra ti!
    As fotos ficaram maravilhosaaaaaaaas!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Denise. Obrigada! Estou gostando, acho que o que decepciona é que as histórias são muito clichês e não tem nada demais, mas é legal porque envolve a gente em um romance muito fofo.

      Excluir

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤

Sim, eu não sou a louca dos signos mas sou a louca dos templates. Talvez você entre aqui e veja o blog todo mudado, mas o Leitora Encantada é apenas uma extensão dos meus pensamentos, que realmente mudam com o piscar dos olhos. Espero que gostem!

Facebook

Instagram

Lendo no momento

Lendo no momento

Autores parceiros

                                            

Seguidores

Blogroll

  • Arquivos

    Link-me


    Life Style

    Tecnologia do Blogger.
     
    Todos os direitos reservados 2016 - 2017 | Logo por: MIKA CAETANO - Design E Programação: Espalhando Bonitezas